Informativo Notícias

SIHS anuncia construção da Barragem do Rio Colônia

Barragem-do-Colônia

A assinatura da ordem de serviço para a construção da barragem acontece nesta segunda-feira (9), em Itabuna

Proporcionar maior regularidade ao abastecimento de água da região cacaueira, em meio a baixos índices de precipitação e a estiagem prolongada. Com este intuito, o Governo do Estado, através da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), anuncia a construção da Barragem do Rio Colônia. Em Itabuna, uma das cidades beneficiadas, o governador Rui Costa e o secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto, assinam ordem de serviço para que a intervenção seja iniciada.

Com investimentos da ordem de R$ 109.770.000 (cento e nove milhões, setecentos e setenta mil reais), provenientes de recursos federais e do Governo do Estado, a Barragem do Rio Colônia, terá como objetivo o abastecimento de água dos Municípios de Itabuna e Itapé. “Além de funcionar como reservatório regional por um período de pelo menos 30 anos, permitirá a contenção de cheias, diluição de efluentes e perenização dos rios Colônia e Cachoeira nos trechos em territórios de Itapé, Itabuna e Ilhéus. E, o melhor, beneficiará, nada menos, que 220 mil pessoas”, comemorou o secretário Cássio Peixoto, reforçando o que: “dará maior controle das enchentes do Rio Cachoeira que inundam a cidade de Itabuna”.

“Em suma, nossa meta é oferecer segurança hídrica para a região, sem comprometer a captação do Rio Almada e diminuir a pressão sobre outros sistemas”, enfatizou, lembrando que Itabuna está entre as maiores cidades do estado e passa por desabastecimentos sazonais em função de baixas precipitações. A obra será executada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), empresa vinculada à SIHS.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: